PSG, Lucas e Manchester

Publicado  domingo, 5 de agosto de 2012


No Manchester United, o Meia do SPFC trabalharia com sir Alex Ferguson e passaria pelo mesmo processo que Cristiano Ronaldo passou na carreira. O técnico teria capacidade de aprimorar suas qualidades, melhorá-lo taticamente e torná-lo um jogador melhor do que ele realmente é.

Até porque Lucas, hoje, ainda é um jogador superestimado. Mas nada impede que evolua e se torne alguém que faça a diferença, algo que ainda não consegue no tricolor paulista. Desde que faça as escolhas corretas. Robinho, por exemplo, não fez.

No Paris Saint Germain, o meia fará parte de uma revolução no mercado europeu e jogará em um grande time. Isso ajuda. Mas ninguém sabe bem por quanto tempo o clube francês seguirá essa linha de altos investimentos e Carlos Ancelotti ainda não comprovou ser um técnico capaz de melhorar seus jogadores dessa forma. Perdendo dinheiro ou não, Lucas deveria escolher ser um atleta de Ferguson.

1 comentários: