Seedorf e o Botafogo possível

Publicado  domingo, 1 de julho de 2012


No Flamengo ele chegaria com a dúvida de fracassar como a estrela anterior. No Fluminense, disputaria posição com o maestro Deco. Talvez no Vasco repetisse a mesma expectativa, mas fatalmente teria que brigar por uma vaga com os ídolos Felipe e Juninho. Mas ele não vestirá nenhuma dessas camisas. No time da Estrela Solitária, Seedorf é ídolo e referência técnica, algo que o Botafogo sente falta há algum tempo.

Mais que isso: Clarence pode ser uma evidência de que o alvinegro pode ser mais. Um banho de autoestima em uma torcida que não conhece a alegria de ser campeã nacional desde 95. Ninguém com bom senso contesta a grandeza do clube, mas é bom ter um exemplo concreto disso. Seedorf prova que é possível o botafoguense ter orgulho de que briga de igual para igual com todos os outros rivais.

Há muitas perguntas e dúvidas sobre o sucesso da gestão Assumpção. Mas hoje ele é responsável por fazer seu torcedor voltar a ter brilho nos olhos quando discute futebol com seus rivais. Vale lembrar que há um ano, o Corinthians, clube com maior poder financeiro atualmente, tentou o meia e ainda não tem um meia-direita que assuma a posição. E quantos times tem um dez com as glórias, exemplo e talento de Seedorf? É o Botafogo mostrando que o alvinegro possível pode ser do tamanho do melhor Botafogo que conhecemos. A Estrela pode até ser Solitária mas brilha muito neste dia.

0 comentários: