O melhor para Kaká é voltar ao Brasil

Publicado  quarta-feira, 25 de julho de 2012


O ex-jogador do São Paulo jamais foi um gênio de dribles desconcertantes ou de infinitos passes em profundidade. Kaká sempre brilhou com suas arrancadas indomáveis e conclusões objetivas. Um atleta em altíssimo nível entre tantos boleiros geniais na seleção ou jogadores mais comuns do que ele na Europa. Seu estilo de camisa 8 sacrificou seu corpo ao ponto dele não conseguir mais repetir seu rendimento após os 30 anos e chegar ao posto de melhor do mundo.

A venda para o Real Madrid ocorreu justamente no momento em que o meia dava indícios de que estava em declínio físico. Agora, sua passagem por Madrid pode estar perto do fim e já se fala em um retorno à Itália. Um erro.

Kaká ainda tem muito a dar pelo futebol, mas precisa encontrar um outro estilo de jogo (o ótimo André Rocha teceu algumas sugestões aqui). E nada melhor do que voltar ao Brasil, onde ainda é idolatrado e contará com a paciência dos torcedores e admiração de treinadores em um momento de ascensão econômica do nosso campeonato.

Aqui, vão se esforçar para que volte a brilhar e carregue junto seu time - e é incrível dizer que hoje não teria vaga em todos os times brasileiros - enquanto que na Europa, precisará simplesmente render o seu melhor. O que talvez não seja possível no mesmo estilo de anos atrás. Isso para não falar da superioridade médica que encontraria no Brasil, referência mundial, em relação à medicina italiana (que fracassou com Forlán e Juan, por exemplo).

Mais do que isso: um eventual retorno de Kaká ao Brasil traria uma enorme mensagem de credibilidade de um atleta que sempre foi exemplo fora de campo. Dentro dele, os campos brasileiros receberiam muito bem o atleta. Com boas atuações, sua presença em 2014 seria muito mais merecida do que nos últimos dois anos. É hora de voltar.

0 comentários: