A Rússia que dará trabalho

Publicado  sexta-feira, 8 de junho de 2012

Nos pés do bom Dzagoev e sob o comando de Arshavin, a Rússia demonstrou que pode não ser favorita à Eurocopa, mas que deve ser respeitada. Com um time forte taticamente e com bons valores individuais, a goleada contra a República Tcheca demonstrou uma equipe fria e capaz de surpreender.

De preocupação, fica a oscilação do time russo no segundo tempo quando pareceu cansado demais - algo que deve ocorrer com frequência em uma Eurocopa com tantos jogadores em fim de temporada - e sofreu o primeiro gol. Ainda assim, o péssimo dia de Kherzakov deve ser levado em consideração. Que a Rússia não perca tantos gols diante de equipes mais fortes, quando vai precisar jogar além do seu limite para triunfar.

Impossível não comparar a equipe do técnico holandês Dick Advocaat com a Laranja Mecânica que encantou o mundo. Com toque de bola e paciência, a equipe russa promete dar mais trabalho do que muita gente está acostumada a ver. A Eurocopa agradece.

0 comentários: