Renato X Dedé: quem faz mais falta?

Publicado  domingo, 29 de abril de 2012

Dois jogadores clássicos e que fazem da técnica e não da força, sua principal característica. Não há dúvida de que o zagueiro do Vasco hoje é mais jovem, leva vantagem na parte física e, talvez, tenha um arsenal de qualidades maior do que o volante do Botafogo. Ainda assim, é Renato quem mais fará falta no clássico.

No meio de campo, Renato atua com classe no desarme e na armação de jogadas. É difícil imaginar o meio de campo alvinegro funcionar com o mesmo equilíbrio sem ele. E é outra limitação da Estrela Solitária que faz a falta do volante ser mais sentida do que a Dedé: o oscilante ataque.

Com Loco Abreu em péssima fase e Jóbson ainda em busca de sua melhor forma - são momentos assim em Bad Boys que criam o folclore que funcionam melhor sem se cuidar do que com rigor na preparação física - a zaga vascaína tem uma missão bem mais fácil em substituir o melhor zagueiro em atividade no Brasil. O Vasco não tem Dedé, mas o Botafogo ainda não encontrou seu ataque.

Se Rodolfo e Renato Silva não inspiram confiança, dificilmente encontrarão uma final com mais chances de brilhar do que essa. A não ser que Loco chute o momento ruim para escanteio e resolva reaparecer hoje. Clássico é clássico.

0 comentários: