Fernando fica?

Publicado  sexta-feira, 3 de dezembro de 2010


De mais bizarro, na permanência do volante Fernando não é só seu desempenho ruim ao longo de 2010. Ele chegou para substituir Airton, vendido ao Benfica, e falhou miseravelmente. Apesar de alguns gols no Estadual, o cabeça-de-área nunca se firmou no time titular e foi perdendo espaço. Nem mesmo com Vanderlei Luxemburgo ele foi usado.

Com Rogério Lourenço, Fernando perdeu mais uma para o volante Antonio, cria de base do Flamengo. O mesmo Antonio, segundo o BID da CBF, já pode assinar pré-contrato com qualquer clube. Afinal, seu compromisso termina em maio de 2011 assim como o de Lennon, outro jogador formado no clube e que joga na mesma posição que Fernando. Coincidência ou um indício de que ambos podem sair? É preocupante.

Não para por aí. Luxemburgo e Willians não parecem ter se dado bem. O técnico já criticou publicamente um dos maiores roubadores de bola do brasileiro e o volante limitado parece acreditar mais do que deveria em seus elogios. Apostaria em um campeão brasileiro a menos para a próxima temporada.

Como disse, o mais bizarro na permanência de Fernando não é sua atuação ao longo do ano. O pior é a importância que ele pode ter no elenco de 2011. Pior do que tá, pode ficar sim.

Update: entre as razões para a permanência do volante, Luxemburgo garante que "vê potencial" no irmão de Carlos Alberto. Então porque a renovação só ocorreu por um ano? Para que o jogador descubra do que é capaz e peça o dobro dos salários no fim do ano ou saia de graça? Estranho. Muito estranho.

8 comentários: