A decepção de milhões!

Publicado  domingo, 1 de agosto de 2010

Flamengo X Vasco já atraiu multidões épicas, consagrou craques para o sempre e já entrou no rol de grandes clássicos. Infelizmente, a partida desde domingo não estará na memória de ninguém, tamanha a sua mediocridade e má fase dos dois times.

O rubro-negro é campeão brasileiro, mas graças à omissão de sua presidente vê um time nitidamente desequilibrado. Patrícia teve desde janeiro para preparar o elenco para a saída do Império do Amor, mas cruzou seus braços e hoje a torcida precisa ver um roliço Val Baiano sair ofegante sem nada fazer e um desconhecido chamado Borja consagrar o goleiro adversário. É a consagração da gestão zero-título de Omissa Amorim, digo, Patrícia Amorim.

E o Vasco estreou seus maiores reforços, tinha um time em uma crescente e mais equilibrado, mas desperdiçou a maior chance de vencer o rival e recuperar parte da auto-estima vascaína. A torcida fez a sua parte, superou a maior torcida do mundo e saiu do estádio com o alívio de não ter perdido. Muito pouco para a Cruz de Malta que viu Felipe vencer um campeonato de canetas e não de gols.

O clássico não pode se tornar em uma partidade de showbol, dependente de jogadores de mais de 30 anos em fim de carreira como Pet e Felipe. Patrícia e Dinamite falharam e decepcionaram suas torcidas. De novo.

9 comentários: